Time After time… Post After Post.

December 2, 2006 § Leave a comment

Bem, o título não fala nada sobre o texto… fala só sobre uma coisa que eu odeio: postar em cima do post de alguém. Mas é irresistível… estou bêbado num nível alarmante (Sem conseguir digitar direito). São sete da manhã e eu quero prestar uma homenagem.

Muito tempo atrás eu falei: “ apesar de eu não acreditar em amor, eu sei que em algum lugar do mundo alguém se ama de verdade”. Em algum lugar do mundo um casal de chineses troca juras de amor eterno. E eu vivo pra ver esse casal de chineses.

Então. Os vi.

O tempo vai dizer se eu só estou deslumbrado… mas o fato pe que eu estou impressionado. Amigo meu vai casar. Hoje. E eu serei padrinho.

O padrinho é um dos responsáveis pela harmonia conjugal. Pode ser que eu seja um fracasso como um padrinho (como eu posso ser responsável pela vida afetiva dos outros se a minha é baseada em ficantes e coisas que o valham?).

Não lembro exatamente qual a metáfora. Parece que quando os gregos iam construir uma fortaleza eles sacrificavam uma virgem e jogavam na fundação da construção. Até aí, durante toda história da humanidade sacrificavam virgens a torto e a direito. Sacrificavam virgens até pra fazer sinos. O que pra mim parece um grande desperdício de sinos, mas levou ao fato de que mulher feia tende a ser mais safada. Seleção natural: Mulher feia e regulada, vai virar sino.

Se eu pudesse eu seria essa virgem na fundação do casamento deles. Problemas: sou homem, não sou virgem e é um casamento, não uma ponte ou outra obra de engenharia. Mas vocês entenderam.

Eu não sou um exemplo de ser humano. Não sou o tipo de pessoa que puxa a média ponderada da humanidade pra cima. Mas sou uma pessoa útil no mundo. Tenho minha função social. Eu causo. Causo, vou, faço, crio, e garanto que Deus dê boas risadas e alguns filhos da puta fiquem mais espertos e pensem duas vezes antes de deixar a namorada sozinha pra ir no banheiro.

Eu não me sacrificaria por uma mulher. Mas iria até o inferno trazer Eurídice se eu pudesse evitar a tragédia de Orfeu.

E agora, um brinde! Aos noivos! Que a vida lhes seja leve!

E outro brinde à todos aqueles que postam bêbados. Cara, isso é muito legal…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

What’s this?

You are currently reading Time After time… Post After Post. at AnarcoBlog.

meta

%d bloggers like this: