Feliz Ano Velho.

January 20, 2017 § Leave a comment

Cerca de cinco anos atrás eu tomei uma decisão: deixaria de advogar em escritório para me tornar professor de Língua Portuguesa. Entre 2013 e hoje eu tive a chance de, novamente, trabalhar como professor. Digo novamente pois já havia dado aula de matemática, química e física cerca de 13 anos antes.

(Cara… quando você começa a contar suas histórias com décadas de diferença entre os fatos é tão legal…)

Durante cinco anos eu tive a oportunidade de lecionar. Agora, por inúmeros problemas pessoais, tive que voltar a advogar. Consequentemente, uma vez que escritórios não gostam muito da ideia de dividir a sua alma com outras atividades profissionais, deixei de lado (ao menos por enquanto) o magistério.

Se alguém quiser saber o porquê, de forma resumida, eu precisava aumentar minhas receitas porque eu tenho dois gatos sob minha responsabilidade para cuidar. Aparentemente meu currículo como professor é muito ruim, mas como advogado é bem razoável.

A despeito de eu não gostar muito disso, as coisas mudaram e, consequentemente, meus planos de navegação tiveram que ser corrigidos.

Anos atrás eu disse que o mundo roda, roda, roda e para no mesmo lugar. Mas se o mundo parou no mesmo lugar, você não é mais o mesmo. E esses cinco anos foram de grande aprendizado.

Professor não é mal pago. Eu vou ganhar três vezes e meia como advogado o que eu ganhava como professor. E trabalhar quatro vezes mais. No mínimo. Economicamente isso é estúpido.

Mas ainda vivemos numa época em que poucas profissões podem se dar ao luxo de ter uma jornada variável.  As profissões que “pagam bem” exigem que você gaste bem. Gaste tempo de vida em trânsito, em almoço no escritório, em roupas, em imagem, em aparência. Ganhar bem é caro.

E isso coloca as coisas em outra perspectiva: uma coisa é você ganhar pouco com 16 anos. Outra é aos 34. Existe um tempo pra tudo. E fazer as coisas no tempo errado é muito caro. Tentei. Falhei. Talvez em tempos mais calmos eu tente de novo. Lição aprendida: não deixe nada para depois. Pode ficar impossível, muito difícil ou muito caro.

Advogar, em si, não é ruim. Eu adoro advogar de cuecas. Odeio sair de casa pra isso. Esse é o único problema.

Lecionar não é apenas bom. Deus, como eu odeio diários de classe.

Mas tem uma coisa que detona a comparação. Lecionar tem Salário Afetivo.

Eu brinquei que eu ficaria muito feliz se eu tivesse um aluno que queria ser fisiculturista. Não que eu ache uma carreira muito grandiosa. Mas porque eu gosto de ver gente com ambição, que quer algo diferente, que quer mais. E o fisiculturismo demanda um esforço e uma dedicação ímpar. E eu tive um aluno fisiculturista.

Um aluno meu quer ser padre. Padre mesmo, à moda antiga. Eu não acho que o catolicismo seja A Via. Mas é uma via. E embora eu não concorde com tudo o que ele fala, eu reconheço como útil que algúem defenda essa visão.

Gente que quer medicina, porque é só coração. Gente que quer medicina, porque é só cérebro.

Gente que odeia estudar, mas ama ler. E vice-versa.

Músicos. Escritores. Atrizes. Engenheiros.

Eu vi tanta gente que vocês não acreditariam. E tive a oportunidade de me dar um pouquinho pra eles. Espero que seja útil.

A palavra em Latim magus significa “o maior”. Duas carreiras usam essa palavra em sua nomenclatura: o Magistério e a Magistratura. Merecidamente.

Mas agora vou voltar a fazer o que eu já sabia que eu fazia bem.

Porque o mundo roda, roda, roda e para no mesmo lugar.

Mas não tem problema o mundo estar no mesmo lugar, porque eu não sou mais o mesmo.

Agora eu tenho gatos.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

What’s this?

You are currently reading Feliz Ano Velho. at AnarcoBlog.

meta

%d bloggers like this: